Porque os homens não fazem Yoga?

Como uma filosofia pratica, que só proporciona benefícios, ainda é vista com desconfiança por parte dos homens.

Se você lê meu blog, sabe que esta é a segunda vez que abordo o tema Yoga para o público masculino. Embora tenha aumentado a procura pelo Yoga pelo público masculino, este ainda é um número insignificante perto do público feminino.

Sou testemunha dessa afirmação. Nos meus 8 anos como praticante de Yoga, não vi mais do que 10 alunos homens nas turmas que participei. Nas turmas que leciono, menos de 10% dos alunos são homens.

Fiz a seguinte pergunta para uma professora de Yoga, em um evento realizado na FIESP sobre saúde e bem-estar: - Porque você acha que o Yoga tem um número muito maior de mulheres do que de homens? A resposta foi que o Yoga, por ser algo relacionado a sensibilidade e espiritualidade, atraía mais as mulheres, e que o Yoga aparecia (e aparece) muito mais em revistas femininas ligadas a ginastica, estética, do que em revistas masculinas. 

Então podemos dizer que o Yoga é sobre sensibilidade e espiritualidade? Também.

A meu ver o Yoga abrange um universo muito grande de possibilidades. Entre estes a sensibilidade e a espiritualidade, sem dúvida alguma. Mas será que todas as pessoas querem este grau de envolvimento com o Yoga? 

Muitos professores começam a falar do Yoga como algo quase intangível e incansavelmente espiritual. Na minha modesta opinião isso afugenta uma grande parcela de interessados pela prática, em especial o público masculino.

Frescura, aula de alongamento, só mulheres fazem isso, o que meus amigos vão dizer, muito parado, bobagem, chateação espiritual são alguns dos itens que já ouvi por aí de homens quando o assunto é Yoga.

Há cerca de um ano realizei uma pesquisa sobre a opinião do público masculino sobre a prática de Yoga. As questões eram fechadas, e foram desenvolvidas de acordo com as afirmações que já tinha escutado de amigos, parentes e alunos. 

Veja algumas das respostas.

Quais são os seus "preconceitos" mais populares sobre YOGA

15% - Pratica para mulheres  / 20% - Pratica que envolve muito alongamento e eu não tenho isso  / 10% - Só gente "esquisita" faz esse troço / 5% - "Tô sussa" de parar de beber e virar vegano / 5% - Já sigo uma religião e não quero ficar acendendo incenso

Qual é sua opinião sobre os conteúdos de Yoga e Meditação publicados nas mídias sociais e na internet?

29% - Chega a dar preguiça de começar a ler / 28% Chato / 10% - Voltado ao público feminino somente / 18% - Enfoque na parte física 

Após bater a cabeça, percebi que o caminho deveria ser outro para atrair o público masculino para a prática. Afinal de contas, o Yoga traz muitos benefícios, e portanto não deve ficar restrito a um tipo de linguagem ( rebuscada ou voltada somente ao público feminino) ou a determinados veículos de comunicação ( revistas femininas).

Se o Yoga é para todos, merece (de fato!) ser comunicado a TODOS e em TODOS. (os lugares). 

Quem sabe assim se consiga "quebrar um pouco" os preconceitos que a maioria dos homens possuem do Yoga.

Namastê!